G20 - Grupo dos Vinte

Juliana Bezerra

O G20 ou Grupo dos 20 é um fórum de cooperação internacional que reúne as 19 maiores economias do mundo mais a União Europeia.

O fórum se reúne periodicamente para discutir e definir os rumos da economia financeira e industrial.

Países

Argentina Austrália Alemanha Arábia Saudita
Brasil Canadá China Estados Unidos
França Índia Indonésia Itália
Japão México África do Sul Turquia
Reino Unido República da Coreia Rússia União Europeia

Por ser um bloco econômico e político, a União Europeia é representada pelo presidente do Conselho Europeu e o chefe do Banco Central Europeu. Igualmente estão presentes nas reuniões o diretor-geral do FMI e o presidente do Banco Mundial.

G20
Bandeiras dos países do G20

Objetivos

O G20 tem como objetivo principal coordenar políticas econômicas entre seus membros a fim de alcançar a estabilidade econômica global.

Além disso, promovem o crescimento sustentável, constroem meios que evitem crises econômicas e buscam modernizar a economia mundial.

Em épocas de crises, a atuação do G20 se volta em restaurar o crescimento econômico mundial, reforçar e reformar as instituições financeiras.

Apesar das reuniões com os presidentes receberem mais cobertura da mídia, o G20 realiza encontros ao longo de todo ano com ministros de Economia e os presidentes dos bancos centrais de cada país.

A presidência do G20 é a responsável pela gestão da Troika, formada por três integrantes de cadeiras anteriores, atuais e futuras. Troika é uma palavra em russo que pode ser traduzida por "trio".

Exemplo: em 2018, a Troika é formada por Argentina, que detém a presidência, a Alemanha, presidente em 2017 e Japão, que assumirá em 2019.

Dados Econômicos

Os países do G20 representam:

  • 90% do PIB (Produto Interno Bruto) mundial;
  • 75% do comércio global internacional;
  • 2/3 da população mundial;
  • 84% das reservas de combustíveis fósseis do mundo
  • 80% dos investimentos mundiais.

História

O G20 foi criado formalmente em setembro de 1999. Na ocasião, os ministros de Economia dos países que integram o G7 (formado por Canadá, França, Alemanha, Itália, Japão, Reino Unido e Estados Unidos da América) reuniram-se em Washington para avaliar o impacto da crise econômica de 1997 e 1998.

Esta crise abalou o sistema financeiro mundial e demonstrou que era preciso envolver os países em desenvolvimento nas discussões e decisões sobre a economia global. A primeira reunião ocorreu em Berlim, na Alemanha, no mês de dezembro de 1999.

A partir de 2008, com uma nova crise financeira no horizonte, o G20 sente a necessidade que suas reuniões fossem feitas também com funcionários de alto nível.

Assim, os chefes de governo de ditos países passaram a se reunir anualmente a fim de discutir os rumos da economia mundial.

Leia mais:

Juliana Bezerra
Juliana Bezerra
Bacharelada e Licenciada em História, pela PUC-RJ. Especialista em Relações Internacionais, pelo Unilasalle-RJ. Mestre em História da América Latina e União Europeia pela Universidade de Alcalá, Espanha.