Canadá

Juliana Bezerra

O Canadá é um país localizado na América do Norte.

É o segundo país do mundo em extensão territorial. Faz fronteira com os Estados Unidos ao sul e ao noroeste (Alasca) e ao norte com o oceano Atlântico.

CanadáA bandeira do Canadá retrata uma folha de bordo, típica da região

Dados Gerais

  • Nome oficial: Canadá
  • Capital: Ottawa
  • Extensão territorial: 9.900.610 km2
  • Habitantes: 35,8 milhões de habitantes (Banco Mundial, 2015)
  • PIB (Produto Interno Bruto): US$ 1,5 trilhão (Banco Mundial, 2015)
  • Clima: Temperado com as quatro estações bem definidas
  • Idiomas oficiais: inglês e francês
  • Religião: Mais de 90% da população é cristã. Porém, não há uma religião oficial no país.
  • Moeda: dólar canadense
  • Sistema de governo: Monarquia constitucional federal
  • Principais cidades: Toronto, Montreal, Vancouver, Calgary, Ottawa e Edmonton

Divisão Territorial

Mapa do CanadáMapa do Canadá

O Canadá é uma federação integrada por dez províncias e três territórios. As províncias são:

  • Alberta
  • Colúmbia Inglesa
  • Manitoba
  • Nova Brunswick
  • Terra Nova e Labrador
  • Nova Escócia
  • Ontário
  • Ilha do Príncipe Eduardo
  • Quebec
  • Saskatchewan

E os três territórios:

  • Yukon
  • Nunavut
  • Território do Nordeste

O país é dividido em sete regiões: a costa do pacífico, a cordilheira, as pradarias, o escudo canadense, os Grandes Lagos, os Apalaches e o Ártico.

O país é banhado pelos oceanos Atlântico, Ártico e Pacífico.

Cultura do Canadá

Inuit

Membros do povo inuit

A cultura canadense resulta da mistura dos colonizadores ingleses e franceses com os indígenas. Os filhos dos colonos com o povo indígena inuit são chamados de métis.

Esse aspecto multicultural é percebido, principalmente, nos idiomas, pois há duas línguas oficiais: o francês e o inglês.

Os nativos inuit e os outros grupos indígenas nem sempre foram bem tratados. Seu território foi invadido e as populações confinadas em reservas.

Muitos tiveram seus filhos arrancados de sua convivência e internados em escolas onde recebiam uma educação ocidental para que fosse apagado qualquer traço de sua cultura.

Atualmente, porém, essas políticas foram revistas e o Canadá é considerado um dos países mais receptivos do mundo. Mantém uma política de tolerância religiosa e cultural e busca manter a tradição dos povos ancestrais.

O Canadá atraiu asiáticos que foram empregados como operários em minas e ferrovias, a partir do século XIX e durante o século XX.

Também integram a base étnica dos canadenses, alemães, italianos, ucranianos, poloneses, holandeses, chineses, portugueses e escandinavos.

Imigração no Canadá

O país exibe ótimos índices de qualidade de vida. O Índice de Desenvolvimento Humano é de 0,967 (2016), o terceiro do mundo, e possui boas escolas e universidades.

Por isso, a cada ano, recebe estudantes do mundo todo mundo interessados em estudar inglês ou francês, fazer intercâmbio ou cursar uma graduação.

Igualmente, muitos brasileiros descobriram que o Canadá possui facilidades para imigrar em relação a outra nações.

Afinal, o sistema canadense se baseia numa política de pontos (onde conta o nível de estudos, por exemplo), empregabilidade e reagrupamento familiar.

Assim, há comunidades brasileiras bastante expressivas em cidades como Toronto, Vancouver, Montreal e na própria capital, Ottawa.

História do Canadá

Os índios inuit foram os primeiros habitantes da região que hoje corresponde ao território do Canadá e viviam da caça e da pesca. Antes, os inuit eram chamados de esquimós, mas essa denominação não é mais aceita.

Os franceses começaram a explorar o território logo após a chegada de Cristóvão Colombo na América.

As expedições do navegador Jacques Cartier (1491-1557), que explorou o rio São Lourenço e fez contato com os índios iroquês, possibilitou a expansão marítima francesa.

Cartier realizou ainda mais duas expedições ao território mantendo contato com esta tribo.

Posteriormente, a primeira cidade a ser fundada no território foi Quebec, em 1608, por Samuel Champlain.

Houve intenso esforço da França para o povoamento da região. O interesse, contudo, esbarrava no terreno difícil, de clima praticamente inóspito e invernos rigorosos.

Os indígenas, ao perceber que os franceses vinham para ficar, substituíram a cortesia das primeiras viagens em aberta hostilidade.

Igualmente, os ingleses passaram a ocupar aquele território aproveitando que já tinham povoadores instalados nas 13 Colônias.

Com isso, começaram as disputas entre ingleses e franceses, sempre apoiados por tribos indígenas, que lutavam lado a lado com os brancos.

A conquista inglesa foi sacramentada após a Guerra dos Sete Anos (1756-1763). Através do Tratado de Paris, os ingleses tomaram o controle da região, mas permitiram os colonos franceses conservarem seu idioma e religião.

Em 1º de julho de 1867, três províncias britânicas assinaram uma ata de independência em relação ao Reino Unido e formaram a Confederação do Canadá.

Somente em 1931 houve ampliação de autonomia, e em 1982 o país se desprendeu formalmente do Parlamento britânico.

Atualmente, as províncias canadenses têm muita autonomia, mas possuem um governo federal que as coordena e mantêm o soberano britânico como chefe de Estado.

Aspectos Geográficos do Canadá

O Canadá é tão grande quanto inóspito. Têm as quatro estações do ano bem definidas. Assim, o verão pode registrar 35 ºC, enquanto o inverno 50 ºC negativos.

A oscilação de temperatura depende da região. O clima limita a oferta de terras agricultáveis e há pouca disponibilidade de lavouras na maioria do território.

O território é banhado por numerosos rios e recortado por diversas cadeias de montanhas.

O clima temperado do Canadá varia conforme o relevo, precipitação e pressão atmosférica.

A área mais temperada é encontrada na costa da Colúmbia Britânica. Nessa região, é intensa a influência das correntes de ar quentes e úmidas que saem do Pacífico. A neve é rara nessa região.

O ar quente e úmido que sai do Oceano Pacífico fica retido na área da Cordilheira, que forma a Cadeia da Costa e as Montanhas Rochosas.

Sem poder avançar em direção às planícies, o ar úmido atravessa as montanhas, onde resfria e cai em forma de chuva.

A chuva, porém, é menor nos vales que ficam entre as montanhas e, por isso, há verões de elevadas temperaturas.

Nas pradarias, os invernos são rigorosos e os verões bastante quentes. É nessa região que ocorre o chinook durante o inverno.

O chinook é o vento de inverno que, por ser quente, faz com que as temperaturas subam em até 16 graus no período de um dia.

Na região dos Grandes Lagos, o inverno é acompanhado de severas nevascas. Os invernos mais pesados ocorrem na região denominada Canadá Atlântico. Nessa área, a neblina vai até o verão, quando os termômetros não passam dos 18 ºC.

Turismo no Canadá

A diversidade natural do Canadá convida turistas de todo o mundo. As atrações de inverno são as de maior procura pelos visitantes.

Também o país concentra grande diversidade de paisagens naturais que encantam os turistas. O governo do Canadá mantém 38 parques nacionais que correspondem a 2% do território canadense, assim como 836 sítios históricos, 1000 parques provinciais e 50 parques territoriais.

Os locais que mais atraem turistas são Vancouver e Toronto. Entre as mais exuberantes atrações estão as cataratas do Niágara, localizadas próximo à cidade de Bufallo, na fronteira com os Estados Unidos.

CanadáCataratas do Niágara

Curiosidades

  • O Canadá tem seis fusos horários.
  • Menos de 1% da população do mundo vive no país.
  • Os lagos canadenses comportam 20% de toda a água doce do mundo.
  • É o país com maior população imigrante do mundo: 1 de cada 5 canadenses não nasceu no Canadá. A cada ano entram 300.000 novos imigrantes no país.
  • Até 1982 toda modificação constitucional canadense necessitava da aprovação das autoridades britânicas.

Leia também:

Juliana Bezerra
Juliana Bezerra
Bacharelada e Licenciada em História, pela PUC-RJ. Especialista em Relações Internacionais, pelo Unilasalle-RJ. Mestre em História da América Latina e União Europeia pela Universidade de Alcalá, Espanha.