Oceano Glacial Antártico


O Oceano Glacial Antártico (Oceano Antártico ou Oceano Austral) é um dos oceanos do mundo que banha a Antártida.

Está localizado no hemisfério sul do planeta, na região do Polo Sul. Alguns estudiosos não o consideram um oceano e sim uma extensão dos outros (Atlântico, Pacífico e Índico).

Oceano Glacial AntárticoOceanos do Mundo

Classificação dos Oceanos

Segundo a classificação mais aceita, o planeta Terra é formado por cinco oceanos, a saber:

Saiba mais sobre os Mares e Oceanos do Mundo.

Características e Importância

O Oceano Glacial Antártico possui cerca de 20 milhões de km², sendo o segundo menor dos cinco oceanos do mundo, depois do Oceano Ártico. Ele banha o continente Antártico e possui a maior reserva de água doce do mundo (aproximadamente 81% do total). Apresenta uma profundidade média de 4.000 metros e máxima de aproximadamente 7.000 metros

Os mares (porções menores e menos profundas de água salgada) que compõem o Oceano Antártico são: o mar de Ross, mar de Amundsen, o mar de Bellingshausen, o mar de Weddell, dentre outros.

O Oceano Antártico possui grande biodiversidade da fauna (focas, pinguins, baleias, leões marinhos, krills, peixes, etc.) e já foram descobertas áreas onde é encontrado petróleo e gás natural.

Isso pode ser um problema, uma vez que a exploração do local pode causar consequências desastrosas para o ecossistema terrestre. No entanto, ainda não foram registradas explorações de petróleo ou gás natural no local.

O clima predominante na região é o clima polar. A região recebe ventos fortes e apresenta as temperaturas mais baixas registradas, que podem atingir até -90ºC; e, por isso, a maior parte da água permanece congelada durante todo o ano. Grande parte da paisagem da Antártida é formada por icebergs, gigantescos blocos de gelo.

Após o “Tratado da Antártica”, firmado em 1956 entre diversos países do mundo (Chile, Argentina, Austrália, Bélgica, Estados Unidos, Brasil, França, Japão, Noruega, Nova Zelândia, Reino Unido, África do Sul e Rússia), ficou declarado que todos possuem autorização para realizar pesquisas no local, o que torna a Antártica um território internacional. Foi após esse documento que foi estabelecido a extensão e os limites desse oceano.

Um dos problemas ambientais que o Oceano Antártico vem enfrentado é consequência do efeito estuda e do aquecimento global, os quais afetam diretamente no desiquilíbrio do seu ecossistema marítimo.

Isso resulta no derretimento de imensas geleiras, provocando o aumento do nível das águas do mar, o que pode gerar catástrofes como o encobrimento de diversas áreas litorâneas do planeta.

Curiosidade: Você sabia?

O Oceano Glacial Antártico é o único do mundo que circunda totalmente o globo terrestre.