Vegetação Mediterrânea


A “Vegetação ou Floresta Mediterrânea” é um tipo de vegetação característica da costa mediterrânea, localizada principalmente no norte da África e sul da Europa, embora esteja presente em outras partes do globo, como Estados Unidos (Califórnia), Chile, Sul da África e sul e sudoeste da Austrália.

Vegetação MediterrâneaPôr-do-sol sobre a Vegetação Mediterrânea

Para saber mais: Mar Mediterrâneo

Classificação

Esse tipo de vegetação possui três tipos de estratos vegetativos, ou seja, apresenta uma vegetação com três tamanhos ou alturas diferentes, a saber: arbóreo, arbustivo e herbáceo. Dessa forma, a vegetação mediterrânea é formada por árvores esparsas, arbustos e ervas, e abrange os países: Portugal, Espanha, França, Itália, Grécia, Chipre, Estados Unidos, Austrália.

Solo e Clima

Com regiões de solo calcário ou granítico, o solo da vegetação mediterrânea apresenta coloração avermelhada ou amarela, o que indica a forte presença de óxido de ferro. Essa vegetação apresenta clima mediterrâneo, os quais são encontrados nas zonas temperadas do globo. Esse tipo de clima apresenta invernos frios (com temperaturas mínimas de 0°C) e úmidos (alto índice pluviométrico); e verões quentes (ultrapassam a temperatura média de 30°C) e secos.

Fauna e Flora

Segundo pesquisas, depois da Floresta Amazônica, considerada a maior do mundo, a vegetação mediterrânea apresenta maior biodiversidade no planeta com aproximadamente 25 mil espécies diferentes de vegetais, o que representa quase 10 % da flora existente no planeta. Assim, fica claro que a fauna e a flora que compõem o ecossistema mediterrâneo apresenta enorme diversidade:

  • Fauna: além da enorme quantidade de insetos, há diversas espécies de roedores, corvos, corujas, falcões, águias coelhos, lebres, lobos, raposas, linces, veados, javalis, lagartos, cobras, dentre outros.
  • Flora: sobreiro, medronheiro, cedro, carvalho, cipreste, azinheira, oliveira-brava, pinheiros, cactus, loureiro, urze, rosmaninho, alecrim, timo, zimbro, alfazema, piteira, giesta espinhosa, dentre outras.

Problemas Ambientais

A maior concentração desse tipo de cobertura vegetal é encontrada no sul do continente europeu, região habitada desde os tempos primórdios da civilização humana. Portanto, desde tempos essa região na costa mediterrânea vem sofrendo com diversos problemas ambientais, sendo considerada uma das mais afetadas do mundo pela ação humana.

Dentre os diversos problemas ambientais podemos destacar: industrialização, urbanização, extração da madeira, desmatamento desenfreado e a expansão da agricultura e pecuária. Note que a vegetação mediterrânea é altamente sensível ao processo de desertificação, que vem aumentando decorrente da ação humana.

Para saber mais: Desmatamento e Desertificação