Aves


As aves são animais vertebrados, de sangue quente (homeotérmicos), que possuem o corpo revestido de penas.

Com cerca de 9000 espécies conhecidas, elas ocupam vários tipos de ambientes e, de maneira geral, dominam o ar.

Características Gerais das Aves

Conheça a seguir as principais características relacionadas às aves.

Temperatura corporal

Aves são animais de sangue quente, também chamados homeotérmicos ou endotérmicos, por sua capacidade de manter a temperatura corporal constante. Para isso, elas apresentam um metabolismo elevado, necessitando de muita energia.

Penas

pavão
Pavão se exibindo

As penas são uma característica exclusiva das aves. Elas permitem o voo, são isolantes térmicos (importante para a homeotermia) e funcionam para a camuflagem e como atrativo sexual. Habitualmente, é o macho que possui uma plumagem exuberante, como o pavão.

Voo

O voo é uma importante adaptação das aves, que lhes permite:

  • Habitar diversos ambientes;
  • Fugir dos predadores;
  • Buscar novas fontes de alimentos;
  • Aumentar o campo visual;
  • Realizar migrações quando as condições ambientais se tornam desfavoráveis, como no período de inverno.

A capacidade de voar que as aves apresentam, podem ser divididas em carinatas e ratitas.

As carinatas são aves que apresentam uma quilha no osso esterno, chamada carena. Possuem músculos peitorais desenvolvidos que são responsáveis pelo batimento das asas.

Muitas podem voar, outras fazem apenas voos curtos, como a galinha. Algumas aves como os pinguins, sofreram modificações em suas asas, que as tornaram aptas apenas para a natação.

As ratitas são aves que não apresentam carena no esterno, e são incapazes de voar, como a ema e o avestruz.

Pele

pele das aves
Glândula uropigial

A pele das aves é queratinizada, seca e impermeável. Algumas possuem glândulas uropigianas,situadas sobre a região posterior do corpo, acima da cauda, que auxiliam na hidratação da pele ao secretar um óleo.

Os patos, por exemplo, viram a cabeça até a cauda e esfregam o bico no restante do corpo, impermeabilizando as penas antes de entrarem nas lagoas, o que facilita a sua flutuação.

Canto

Rouxinol cantando
Rouxinol cantando para atrair a fêmea

Outra característica das aves é o canto, gerado por um órgão fonador, que é a siringe. O canto pode servir como elemento de comunicação, envolvendo atração sexual, advertência, demarcação de território, dentre outros.

A participação das aves na cadeia alimentar auxilia a controlar populações de insetos e roedores.

Anatomia e Fisiologia das Aves

órgãos da galinha
Principais órgãos da galinha

Sistema Respiratório das Aves

Sistema respiratório das aves
Sistema respiratório das aves

A respiração das aves é realizada pelos pulmões, que não possuem alvéolos, são formados por vários para-bronquíolos, onde ocorrem as trocas gasosas.

Além disso, os pulmões se interligam por projeções chamadas sacos aéreos, que passam por todo corpo do animal, inclusive no interior dos ossos.

Sistema Digestório das Aves

sistema digestório das aves
Sistema digestório das aves

As aves têm bico rígido e devido a ausência de dentes, o alimento não passa por trituração na boca.

O tubo digestivo apresenta algumas adaptações, como presença de papo e de moela (onde o alimento fica um tempo sendo amolecido - papo - e é triturado - moela).

Após passar pelo intestino, as fezes são eliminadas pela cloaca, que faz parte tanto do sistema digestório, quanto do reprodutivo.

Sistema Reprodutivo das Aves

Sistema reprodutor das aves
Sistema reprodutor das aves

As aves são animais ovíparos, ou seja, produzem ovos. A casca é formada por carbonato de cálcio e por ser porosa permite a troca gasosa entre o embrião e o ambiente. A cloaca é o órgão responsável pela postura dos ovos.

A fecundação é interna e ocorre antes que o óvulo seja revestido pela casca calcária. No interior do ovo, há membranas protetoras e reservas alimentares na forma de gema e clara.

Saiba mais:

Sistema Circulatório das Aves

Sistema circulatório das aves
Sistema circulatório das aves

O sistema circulatório das aves apresenta um coração com quatro câmaras: dois átrios e dois ventrículos.

Funciona como duas bombas distintas, onde as câmaras direitas impulsionam sangue não oxigenado e as da esquerda, sangue oxigenado.

Sistema Nervoso das Aves

olho da ave
Estrutura ocular das aves

O cérebro das aves é responsável pela coordenação e pelo equilíbrio sendo bastante volumoso, o que permite a movimentação em três dimensões durante o voo.

Possuem geralmente a visão bastante desenvolvida. Aves marinhas, por exemplo, conseguem ver dentro e fora da água. Aves de rapina são capazes de detectar presas através de sua sensibilidade à luz ultravioleta.

Curiosidades sobre as aves

  • Algumas aves transmitem doenças aos seres humanos. As fezes dos pombos transmitem histoplasmose, criptococose (meningite fúngica) e salmonelose; as fezes do papagaio transmitem psitacose (pneumonia atípica).
  • Nas florestas da Austrália e da Nova Guiné, vive o “casuar”, ave que tem a altura de uma pessoa adulta. Apresenta uma crista óssea, que o ajuda a abrir caminho na floresta. Quando acuado, pode dar coices e causar ferimentos graves.
  • O peso dos ossos de um albatroz, ave cuja envergadura das asas de um adulto é superior a 3 metros, é menor que o peso de suas penas.

Leia também sobre:

Juliana Diana
Licenciada em Ciências Biológicas pelas Faculdades Integradas de Ourinhos (FIO). Pós-graduada em Informática na Educação pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). Mestre em Gestão do Conhecimento pela UFSC.