Arte Figurativa

Daniela Diana

A “Arte Figurativa” ou “Figurativismo”, ao contrário da arte abstrata (abstracionismo) é um estilo artístico das artes visuais (pintura, escultura, gravura, etc.), pautado na representação das formas, seja de seres humanos, objetos, animais, paisagens, dentre outros.

A origem da arte figurativa remonta séculos de existência humana. As pinturas rupestres já indicavam a necessidade do homem de expressar emoções, sentimentos e de “copiar” e reproduzir figuras da natureza.

Arte Figurativa
Presépio por Bernardinus Indisur (1567) na Igreja de San Bernardino, Verona, Itália.

Durante séculos, a arte visual esteve muito influenciada pelo estilo figurativista (realista ou estilizado). No entanto, começou a apresentar declínio no início do século XX, com o advento das vanguardas artísticas europeias, da arte moderna e contemporânea.

Nesse sentido, o abstracionismo trouxe à tona uma nova forma de expressar a arte que não fosse por meio de representações miméticas da realidade.

Principais características da arte figurativa

  • Arte representativa;
  • Arte realista e estilizada;
  • Uso de formas da natureza (imitação);
  • Verossimilhança.

Movimentos Figurativos

Muitos movimentos de arte são figurativos e podem surgir de duas maneiras:

  • Artes realistas: representações mais fiéis da realidade, tais quais o renascimento, barroco e o realismo.
  • Artes estilizadas: menor preocupação com os traços individualizadores e a verossimilhança, como no impressionismo e expressionismo.

Gêneros de Arte Figurativa

Segundo a temática desenvolvida numa obra figurativa, ela pode ser:

  • Pintura Religiosa: gênero figurativo muito antigo, de forma que muitas culturas possuem obras com representação de temas religiosos, desde vida de santos, milagres, dentre outros.
  • Pintura de Gênero: esse tipo de arte figurativa ganhou força no século XVI com a arte barroca, preocupada em representar cenas do cotidiano, seja de mulheres, realizando seus afazeres domésticos, cuidando dos filhos; ou dos homens realizando seus trabalhos.
  • Pintura Histórica: gênero figurativo surgido no século XVII, focado na representação de temas e/ou acontecimentos históricos.
  • Pintura Mitológica: gênero figurativo voltado para a representação de seres ou acontecimentos mitológicos.
  • Retrato: um dos mais populares gêneros da arte figurativa, os retratos fazem parte da história da arte desde a antiguidade com o intuito principal de individualizar uma pessoa ou um grupo (amigos, família, etc.).
  • Paisagem: gênero disseminado a partir do século XV com o advento da arte renascentista, e tal qual o retrato, a paisagem é considerada um dos mais populares. A arte figurativa de paisagem propõem apresentar um local seja no campo ou na cidade.
  • Natureza-morta: gênero surgido no século XVI e muito difundido desde então, é baseado na representação de objetos inanimados, por exemplo, um vaso de flores, uma fruteira com frutas, um animal morto, etc.
  • Marinha: gênero que surgiu no século XVI nos países baixos, representa a arte figurativa relacionada ao mar e aos assuntos marinhos no geral, desde paisagens marítimas, barcos, pescadores, dentre outros.
Daniela Diana
Daniela Diana
Licenciada em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) em 2008 e Bacharelada em Produção Cultural pela Universidade Federal Fluminense (UFF) em 2014. Amante das letras, artes e culturas, desde 2012 trabalha com produção e gestão de conteúdos on-line.