12 filmes sobre a Segunda Guerra Mundial

Juliana Bezerra

Filmes são uma ótima maneira de aprender ou reforçar a matéria.

A Segunda Guerra Mundial inspirou várias obras cinematográficas que são uma boa forma de entender mais sobre o conflito.

Abaixo, selecionamos 12 filmes que narram distintas visões da guerra.

1. O pianista, de Roman Polanski (2002)

O pianista
O pianista

Baseado na autobiografia do pianista judeu polonês Władysław Szpilman que vivia em Varsóvia quando esta foi invadida pelos alemães. O músico consegue se esconder no Gueto de Varsóvia, mas decide sair dali para sobreviver e fica a mercê de um coronel alemão.

Ganhador de vários Oscar, o filme mostra a invasão da Polônia pelos nazistas, o cotidiano do Gueto de Varsóvia e ainda o Levante ocorrido ali em 1943.

2. Filhos da Guerra, de Agnieszka Holland (1990)

Filhos da Guerra
Filhos da Guerra

Baseado na biografia de Solomon Perel, o filme narra a história do jovem judeu polonês. Perel sobreviveu à invasão nazista e soviética à Polônia, foi para um orfanato na URSS e chegou a ingressar na Juventude Hitlerista, sempre ocultando sua condição de judeu.

A obra serve para entender a lógica da propaganda nazista junto à população e a perseguição aos judeus.

3. A vida é bela, de Roberto Benini (1997)

A vida é bela
A vida é bela

Na Itália dos anos 30, um judeu tenta sobreviver à perseguição fascista valendo-se do seu bom humor.

Quando começam as deportações, ele é levado para um campo de concentração com o filho. Para amenizar a dor da criança, o pai faz de tudo para que ele acredite que estão dentro de um grande jogo.

Apesar de ser uma comédia-trágica, o filme retrata a escalada do fascismo na Itália e o cotidiano num campo de concentração.

4. O nono dia, de Volker Schlöndorff (2004)

O nono dia
O nono dia

Preso no campo de concentração de Dachau, Alemanha, o padre Henri Kramer é solto por nove dias e deve voltar à cidade de Luxemburgo, onde nasceu.

Ali, os dirigentes nazistas lhe dão nove dias para refletir se concorda publicamente com o nazismo e continua vivo, ou volta para o campo de concentração, onde morrerá.

Obra excelente para entender o posicionamento da Igreja Católica frente ao nazismo. Destaque para as discussões filosóficas entre o sacerdote e o sub-oficial nazista.

5. O Império do Sol, de Steven Spielberg (1987)

O império do Sol
O império do Sol

Estrelado por Christian Bale, a obra narra a história de um garoto inglês que vivia em Xangai, China, quando esta é invadida por japoneses.

Separado dos pais e levado para um campo de concentração para ingleses e americanos, o menino tem que desenvolver estratégias para sobreviver neste ambiente hostil.

Ótimo filme para aprender sobre as condições da guerra sino-japonesa.

6. Pearl Habor, de Michael Bay (2001)

Pearl Harbor
Pearl Harbor

Dois amigos de infância, que se tornaram aviadores, se reencontram em Pearl Habor na véspera do ataque japonês à base americana. No dia seguinte, ambos participam da defesa da ilha.

Contada com efeitos especiais do cinema moderno, o filme capricha nos detalhes daquele que foi o motivo para os Estados Unidos entrar na Segunda Guerra.

7. Casablanca, de Michael Curtiz (1942)

Casablanca
Casablanca

Em Casablanca, no Marrocos ocupado por alemães, refugiados de várias nacionalidades e classes sociais aguardam um visto que os autorizaria a sair do país.

Um deles é americano Rick Blaine que dirige um cassino enquanto pensa na amada que deixou na Paris ocupada pelos nazistas.

Além de ser um filme obrigatório para a história do cinema, a obra mostra que uma guerra não se trava somente no campo de batalha. Milhares de pessoas são expulsas de seus países sendo forçadas a buscar outro lar para reiniciar suas vidas.

8. Stalingrado - a batalha final, de Joseph Vilsmaier (1993)

Stalingrado
Stalingrado - a batalha final

A história de soldados alemães que foram lutar contra as tropas soviéticas durante o frio e o duro inverno da cidade de Stalingrado.

Esta obra é essencial para entender os movimentos do Exército Vermelho e o desespero das tropas alemãs em território soviético. A batalha é considerada o começo do fim dos nazistas e da Segunda Guerra Mundial.

9. Cartas de Iwo Jima, de Clint Eastwood (2006)

Cartas de Iwo Jima
Cartas de Iwo Jima

Uma das mais longas batalhas da Segunda Guerra foi travada numa pequena ilha do Pacífico, Iwo Jima. Contada sob o ponto de vista de um oficial japonês, americanos e japoneses lutam ferozmente por aquele pedaço de terra.

Obra primordial para conhecer a tenacidade das duas nações que não renunciavam a nenhum palmo do território.

10. O mais longo dos dias, de Ken Annakin (1962)

O mais longo dos dias
O mais longo dos dias

Clássico do cinema que mostra de forma simultânea a preparação para o desembarque da Normandia na Inglaterra, Alemanha e França.

Bom para entender o Dia-D, o final da Segunda Guerra Mundial e atuação do Exército americano e britânico.

11. A Queda - As Últimas Horas de Hitler, de Oliver Hirschbiegel (2004)

A Queda
A Queda

Refugiados num bunker, com Berlim sitiada pelas tropas soviéticas, Hitler e seus aliados fazem um derradeiro esforço para ficarem no poder. A filme narra os últimos dias de Adolf Hitler, através da ótica de sua secretária.

A obra permite conhecer o sítio à Berlim, o fanatismo dos colaboradores de Hitler e também seu alheamento diante da situação caótica da Alemanha.

12. O Julgamento de Nuremberg, de Yves Simoneau (2000)

Julgamento de Nuremberg
O Julgamento de Nuremberg

Após o fim da Segunda Guerra Mundial, os Aliados decidem julgar os generais e líderes nazistas que foram capturados. A cidade escolhida é Nuremberg, a mesma onde o partido nazista havia sido fundado.

Trata-se de uma minissérie de televisão inspirada no clássico de 1961. O filme é importante para conhecer a Europa do pós-guerra e a preponderância que os Estados Unidos teriam no continente.

Gostou? Ainda temos mais:

Juliana Bezerra
Juliana Bezerra
Bacharelada e Licenciada em História, pela PUC-RJ. Especialista em Relações Internacionais, pelo Unilasalle-RJ. Mestre em História da América Latina e União Europeia pela Universidade de Alcalá, Espanha.