Bandeira do Japão


A bandeira do Japão tem origens que remontam à Idade Média e aos deuses japoneses.

Suas cores são branca e carmesim, um quadrado branco com um disco vermelho ao centro.

bandeira do Japão

Bandeira Oficial do Japão

Origem

A origem da bandeira japonesa é incerta e várias estórias buscam explicá-la.

Uma delas remonta às crenças do país. A bandeira seria uma homenagem à deusa do Sol Amaterasu. Afinal, o Japão é conhecido como a Terra do Sol Nascente desde a Antiguidade.

Outra versão, mais aceita pelos historiadores, é que a bandeira teria sido idealizada durante o período das invasões mongóis, no séc. XIII.

O pavilhão teria sido desenvolvido por um sacerdote budista, chamado Nichiren, e que tinha a intenção de fazer uma oferta ao imperador da altura.

Desta maneira, este desenho começou a ser utilizado, entre os séculos XV e XVI, em embarcações e unidades militares.

Contudo, esta bandeira somente passou a ser a flâmula oficial do Japão no ano de 1999.

Significado

As cores da bandeira do Japão possuem o seguinte simbolismo:

  • Branca - símbolo da pureza;
  • carmesim (um tom do vermelho) - sinceridade e paixão.

O disco vermelho remete ao Sol, um símbolo extremamente caro ao Japão. O sol, primitivamente, é a fonte de vida para todas as culturas do planeta. No Japão, seria o lugar onde ele nasce, portanto, de onde a vida mesma provém.

Igualmente, remete à deusa Amaterasu, da qual descende a Família Imperial japonesa.

O círculo vermelho, assim, representaria de uma só vez, a fonte da vida, o país e o imperador.

História

O nome oficial da bandeira japonesa é Nisshoki (bandeira japonesa).

Entretanto, é popularmente conhecida pelos japoneses como Hinomaru, cuja tradução em português é “disco solar”.

Durante o século XIX, o Japão passa a ter uma política expansionista e se lança a conquistar territórios como a Coreia e a costa da Rússia.

Desta maneira, a bandeira da Marinha Imperial japonesa, foi popularizada a ponto de se identificar como uma bandeira especialmente usada para os tempos de guerra. Este pavilhão ficou extremamente conhecido durante a Segunda Guerra Mundial.

Bandeira das Forças de Auto Defesa do Japão

Este pavilhão era chamado de "Bandeira do Sol Nascente" e era o emblema da Marinha Imperial

Após a derrota japonesa, o Tratado de São Francisco (1951) baniu a mencionada bandeira dos símbolos nacionais japoneses. Hoje, ela é usada apenas para as Forças de Defesa do Japão.

A bandeira do Japão, por conta da propaganda nacionalista e bélica, não era bem-vista no período pós-guerra. No entanto, as novas gerações já a aceitam como um símbolo nacional.

Leia mais:

Curiosidades

  • Devido ao desenho simples, a bandeira japonesa é uma das mais reconhecíveis do mundo.
  • A maior bandeira do Japão no mundo tem 9 metros de altura e 13,6 metros de largura. Está hasteada a uma altura de 47 metros, pesa 49 quilos e se encontra no santuário de Izumo, na província de Shimane.

Saiba também sobre outras bandeiras: